Nova Jersey pode salvar espaço aberto e corridas de cavalos com uma só palavra: Invalidação

Com o Governador Chris Christie a aparecer em tudo quanto é lado, a legislatura de Nova Jersey começou a tomar conta de algumas matérias com as suas próprias mãos. Isto é bom para New Jersey. Só no mês passado a legislatura do estado reuniu-se e aprovou o referendo do espaço aberto. Agora os eleitores de New Jersey terão uma palavra a dizer em Novembro acerca do financiamento do espaço aberto.

Se a legislatura mantiver a sua frente unida um pouco mais, e avançar com uma invalidação do veto do projeto-lei das apostas desportivas de 22 de setembro do Governador Christie, a legislatura realizará algo de valor e com significado extraordinário: Salvarão o setor equestre, que cria a o espaço aberto em New Jersey.

Um projeto-lei bipartidário apoiado por todos (incluindo o Governador) não merecia um veto.

Tanto o senado como a assembleia apoiaram o projeto inicial por uma esmagadora margem bipartidária, que revogou as proibições de apostas desportivas do estado. O Parque Monmouth começou os preparativos há meses atrás para a implantação de apostas desportivas e tem esperado ansiosamente, pronto para a ação. O governador estava a bordo. As coisas pareciam que iam correr bem. De repente, o governador vetou a lei de forma inesperada. Os críticos acreditam que Christie mudou de ideias à custa do povo de Nova Jersey para maximizar as suas oportunidades de concorrer à Casa Branca.

Uma invalidação pode consertar tudo.

O problema não é somente acerca das apostas desportivas. É sobre a sobrevivência do setor equestre e agrícola que oferece um espaço aberto a Nova Jersey.

O que muitas pessoas não se apercebem é que as corridas de cavalos de Nova Jersey são o motor do setor equestre e agrícola, e um dos principais motivos de Nova Jersey ter um belo espaço aberto. O estado tem 56.000 acres agrícolas relacionados só com corridas de cavalos, e 176.000 acres totais de operações relacionadas com o setor equestre de acordo com o mais recente relatório de Rutgers.

“Quando me envolvi com esta questão, estava impressionado com o setor de criação de cavalos em Nova Jersey, e da grande quantidade de área plantada envolvida. Tornou-se a minha missão preservá-lo, o espaço aberto, e os postos de trabalho que acompanham o setor de corridas de cavalo como um todo”, explicou o senador Ray Lesniak, patrocinador do projeto original e organizador da invalidação. “As pessoas não percebem a grande quantidade de área plantada subdesenvolvidas que temos graças ao setor de corridas de cavalos.”

As apostas desportivas são algo que o setor equestre necessita para sobreviver. Durante anos o setor das corridas de cavalos de Nova Jersey tem sido negligenciado, ignorado e tem estado praticamente deixado “a definhar pelo governador”, conforme diz Lesniak. Entretanto, as corridas de cavalos em estados vizinhos estão a crescer devido a receitas alternativas de apostas. Infelizmente, os proprietários de quintas equestre em Nova Jersey estão prontos para mudar para pastos mais verdes em estados vizinhos.

A preservação e criação de emprego seria mais um resultado positivo duma invalidação bem-sucedida. Há aproximadamente 13.000 empregos gerados pelo setor equestre no estado – as corridas de cavalos contribuem para mais de metade destes postos de trabalho de acordo com o relatório de Rutgers.

Não são somente os empregos no setor das pistas de corrida para os participantes e vendedores de bilhetes. A maioria dos empregos são pessoas que gerem e conservam os cavalos e as instalações. Estes são os agricultores, veterinários, criadores, proprietários de garanhões, proprietários de estábulos, tratadores, jóqueis, cavaleiros, ferreiros, lojas de mantimentos equestres, lojas de alimentos, quintas de sementes, e outros que dedicam as suas vidas a trabalhar com equinos e com a agricultura. Só a corrida de cavalos gera cerca de $780.000.000 de atividade económica anualmente, para o estado, de acordo com o estudo.

As apostas desportivas proporcionariam às corridas de cavalos de Nova Jersey uma fonte de rendimentos específica.

As corridas de cavalos em Nova Jersey deverão ter uma fonte de rendimentos específica que se pode gerir a si mesma, e injetar dinheiro de volta ao seu próprio setor. Durante anos Meadowlands fez dinheiro. E durante anos o Estado assaltava os cofres e gastava este dinheiro em tudo sem ser com as corridas. Isto aconteceu repetidamente até que o dinheiro desapareceu, não deixando nada para as corridas de cavalos. As apostas desportivas podem fornecer as receitas que o setor tão desesperadamente necessita.

No entanto o tempo é essencial. Devido à falta de financiamento e de apoio, as corridas de cavalos já estão titubeantes. Tom Luchento, presidente dos proprietários e criadores de Standardbred explicaram num artigo na NJ.com que o setor Standardbred é uma vítima do declínio das bolsas e taxas de reprodução em Nova Jersey, pois os garanhões reprodutores desapareceram. Chegaram a haver 100 garanhões Standardbred em Nova Jersey. Hoje, existem somente dois.

Em 2013, foram registados somente 122 potros puro-sangue no estado. Isso é uma queda alta de um número alto de 517, de acordo com a Associação de Criadores Puro-Sangue de Nova Jersey (TBANJ). E em 2013 foram criadas somente 69 éguas puro-sangue para garanhões New Jersey – abaixo dum número alto de 597. Os dias de corrida foram reduzidos. Em 1993 havia 289 dias de corrida de puro-sangue em Nova Jersey, que prestavam trabalho a tempo inteiro para as pessoas desse setor. Em 2013 o número de dias de corrida decaiu para somente 79. Estes números pequenos exercem uma pressão sobre os treinadores e proprietários que necessitam de ajuda diária para cuidar dos cavalos durante ano inteiro, mas que agora dependem duma pequena quantidade de corridas para pagar as contas.

Se a invalidação não for eficaz, o espaço aberto de toda a Nova Jersey começará a desaparecer e Monmouth County estará no centro de tudo

Sem uma invalidação, os criadores e proprietários de cavalos restantes de Nova Jersey serão forçados a fechar e mudarem-se para os estados vizinhos em que os incentivos estão a florescer. Um número significativo das quintas de Nova Jersey está em Monmouth County, onde Monmouth Park e Freehold Raceway estão localizados, de modo que é onde o maior dano ocorrerá. O Senador Lesniak está ciente da urgência da questão. “As apostas desportivas farão toda a diferença no mundo para Monmouth Park e para as corridas de cavalos”, disse ele. “Temos de seguir em frente com isto agora, porque já vimos quintas equestres a fechar. Não vai demorar muito até que os donos destas propriedades encontrem outros usos que significam mais moradias e shoppings.”
O Senado aprovou o projeto de lei de apostas desportivas em junho por uma votação de 38-1. A Assembleia votou similarmente 63-6, com duas abstenções. Tanto o Senador Joe Kyrillos e o Senador Jennifer Beck que representam Monmouth County votaram a favor da proposta original das apostas desportivas. Kyrillos e Beck devem manter as suas armas e intervir para apoiar as pessoas que eles representam em Monmouth County com uma invalidação bem-sucedida do veto do governador, em 22 de setembro, que salvará o setor equestre, agrícola, o espaço aberto e a qualidade de vida que os residentes de Nova Jersey merecem.

Corridas de Cavalos: Uma introdução nas Apostas Exóticas

Corridas Cavalos

Existem dois tipos básicos de apostas de corridas cavalos – apostas normais e apostas exóticas. O primeiro artigo desta série, cinco passos simples para efetuar a sua primeira aposta de corrida de cavalos apresentava as apostas normais incluindo WIN (Ganhar), PLACE(Apostar) e SHOW(Mostrar). Este artigo apresenta ao leitor as apostas EXÓTICAS que se enquadram em duas categorias bem distintas – as apostas numa só corrida e apostas em múltiplas corridas. O artigo desta semana aborda as apostas numa corrida: Exactas, Quinellas, Trifectas e Superfectas. Estas apostas exóticas permitem apostas em vários cavalos em corridas individuais.

Exacta: A mais simples aposta exótica duma corrida, a Exacta requer que o apostador preveja o cavalo vencedor e o cavalo que fica em segundo lugar, “exatamente” nessa ordem. A aposta Exacta dará mais dinheiro do que apostar num dos cavalos individualmente para ganhar ou para ficar nesse lugar.

Quinella: Similarmente à Exacta, mas a Quinella não exige que o apostador preveja a ordem dos dois primeiros cavalos. O apostador tem de prever os cavalos que vão terminar nos dois primeiros lugares, mas não tem de prever qual dos dois vai realmente ganhar a corrida. A Quinella é mais fácil de prever do que uma Exacta, mas também rende menos que a Exacta, geralmente rende cerca de metade que a Exacta.

Trifecta; A Trifecta é semelhante à Exacta, mas dá um passo mais adiante. Ela exige que o apostador preveja os cavalos que terminam nas 3 primeiras posições na corrida POR ORDEM. Muito mais difícil de prever do que uma Exacta, e irá render muito mais.

Superfecta: A mais difícil das exóticas duma corrida, a Superfecta, requer que o apostador preveja os quatro primeiros finalistas, por ordem. Escolher uma Superfecta vencedora é difícil, mas muito rentável.

Os jogadores que se especializam em apostas exóticas fazem geralmente diferentes combinações de cavalos, em vez duma aposta “normal” duma combinação. Escolher várias combinações possíveis de cavalos aumenta as oportunidades de ganhar. Por exemplo, uma aposta múltipla permite que faças todas as combinações possíveis dum conjunto de cavalos.

corridas de cavalos

Se tens um cavalo “chave”, então estás a escolher que o cavalo ganhe e depois estás a fazer várias combinações de cavalos para terminar em segundo, terceiro, etc. O apostador também pode escolher cavalos individuais e, depois, “rodar” os cavalos restantes. Um exemplo – se desejas que o cavalo #1 vença, mas queres apostar uma Exacta – aposta “1/ALL” (1/Todos) onde escolhes que o cavalo #1 vença e quaisquer (TODOS) cavalos restantes na corrida para terminar em segundo lugar.

As Exactas, Quinellas, Trifectas e Superfectas estão agora disponíveis em quase todas as corridas na maioria das grandes pistas simulcast. As apostas exóticas oferecem um handicap sério para as corridas de cavalo para obter pagamentos potenciais que podem alterar a tua vida, e que agora são responsáveis por quase 65 porcento de todo o dinheiro apostado em corridas de cavalos.

O próximo artigo desta série irá cobrir as apostas de corridas múltiplas, que exigem que um apostador selecione os vencedores de corridas consecutivas num bilhete, os exemplos incluem o Daily Double (Dupla Diária), Pick 3 (Escolha 3), Pick 4 (Escolha 4), e Pick 6 (Escolha 6).